Comunicação integrada: a união de esforços para melhores resultados
POSTADO EM 17 de January de 2017

Novas tecnologias da informação surgem constantemente. Por um lado, tais mudanças impactam no ambiente institucional e mercadológico, trazendo desafios à organização. Por outro lado, ofertam maneiras e formatos distintos de comunicação, propiciando a inovação. Ao apresentar um leque de possibilidades com vários canais de comunicação com os públicos, é estratégico pensar quais as vias que podem oferecer ao seu negócio as conexões mais oportunas.

Nesse cenário, ganha força o conceito de comunicação integrada, por meio da qual esforços de profissionais e áreas de diferentes competências são reunidos. Margarida Kunsch é uma importante estudiosa do segmento e defende a integração das atividades comunicativas de uma organização em prol do fortalecimento do seu conceito mercadológico, corporativo e institucional, impactando os diferentes públicos da empresa.

Seguindo o mesmo planejamento estratégico, com objetivos e valores em comum, o discurso é adaptado para cada via de acordo com suas particularidades e público-alvo, ofertando conteúdos complementares e integrados ao consumidor ou colaborador que busca mais informações sobre a empresa e os serviços ou produtos oferecidos.
O universo da comunicação integrada

A comunicação integrada está diretamente relacionada com a comunicação organizacional, abrangendo três aspectos:

– Comunicação institucional: envolve o discurso para projetar a marca e imagem da organização;

– Comunicação interna: pode ser dirigida aos colaboradores para promover maior sinergia e alto engajamento, o que também contribui para a transmissão do discurso ao público externo e o fortalecimento da imagem da empresa;

– Comunicação mercadológica: envolve a mensagem destinada aos consumidores a fim de gerar vendas e melhores oportunidades de negócio.

Ao abraçar o tripé da comunicação organizacional, a tática da comunicação integrada se estende às diferentes atividades da área, como relações públicas, jornalismo, assessoria de imprensa, organização de eventos, marketing, publicidade, gestão de redes sociais, entre outras. Dessa forma, pode envolver equipes enxutas com profissionais multitarefas ou mesmo equipes que agregam diferentes formações com colaboradores de setores diferentes da empresa.

Por isso, é importante fazer com que todos os colaboradores compreendam que são parte importante e estratégica do objetivo da empresa: uma comunicação coesa e alinhada. Segundo Kunsch, por meio da integração de profissionais de diferentes competências evita-se a sobreposição de tarefas, além de incentivar o trabalho coletivo em busca dos objetivos gerais da organização e de cada setor da empresa.
Por Marília Néspoli
Assessora de Comunicação

Por:

COMENTE

Comentários